Skip to content

Os criadores e suas criaturas

maio 6, 2010

Uma das coisas que mais me encanta na moda é a relação de colaboração que certos fotógrafos desenvolvem com suas modelos preferidas. Assim como no cinema francês Jean-Luc Godard se encantou por Anna Karina e François Truffaut por Fanny Ardant, ao longo da história da moda fotógrafos elegeram suas musas e as transformaram em verdadeiros ícones. É aquele tipo de identificação que acontece de forma inesperada e que acaba se transformando em uma perfeita sintonia, de fato, uma história de amor.

Um dos exemplos mais clássicos dessa reciprocidade foi o da fotógrafa Corinne Day com Kate Moss. Em 1990, Day revelou a modelo, que na época tinha 14 anos, em um ensaio para a revista The Face, para a edição intitulada Third Summer of Love. O resultado foram essas fotos que  orgulhosamente ilustram o nosso header.

Mario Testino também já revelou seu amor por Kate Moss – e inclusive está para lançar um livro só com fotos da modelo – mas sua forte identificação com o Brasil fez com que Gisele Bündchen fosse eleita uma de suas grandes musas. Gisele foi apadrinhada por ele logo no começo da carreira e, não por acaso, é a capa do livro MaRio de Janeiro Testino, obra em que o fotógrafo homenageia a cidade maravilhosa.

No caso do fotógrafo Bert Stern, foi a modelo a responsável por alavancar a sua carreira, e não o contrário. A modelo em questão era ninguém mais ninguém menos que Marilyn Monroe, que foi a protagonista de um de seus mais famosos ensaios, intitulado The Last Sitting. Stern fotografou Marilyn para a edição de junho de 1962 da Vogue, seis meses antes de sua morte. O ensaio completo pode ser visto aqui.

Nos anos 50, a modelo Dovima trabalhou intensamente com o fotógrafo Richard Avedon, realizando um de seus trabalhos mais marcantes – “Dovima with the Elephants” – clicada no Cirque d’hiver, em Paris. O vestido usado por ela no ensaio foi o primeiro vestido de festa desenhado por Yves Saint Laurent para Dior.

Recentemente, o fotógrafo Juergen Teller resolveu prestar uma homenagem a sua musa inspiradora com um livro que leva seu nome: Raquel Zimmermann. A obra será lançada no dia 31 desse mês e conta com fotos clicadas durante o ano passado inteiro, na casa de Juergen, junto com sua família, na Alemanha. Esperamos ansiosos.

Raquel por Juergen Teller para a campanha s/s 09 de Marc Jacobs

One Comment leave one →
  1. maio 9, 2010 9:51 pm

    Que pesquisa bem apurada e cuidadosa, amei. Nunca parei pra pensar sobre isso, mas é interessante mesmo. Aaaah, e eu amo Blow-Up, ele mistura minhas 3 paixões (cinema, moda e fotografia)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: